sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Consolidar em definitivo...

Depois da última vitória, contundente ainda que a exibição não tenha estado ao mesmo nível, e da gala de Dragões de Ouro que claramente uniu as tropas à volta da instituição, com especial foco para o discurso motivador de André Villas Boas e do nosso Presidente.

Mas se nos últimos dias têm sido de manifestações de empenho e dedicação ao clube, também tem sido notícias nos últimos dias, por parte da comunicação social de Lisboa, episódios de saídas de jogadores já em Janeiro. Entre eles, estão João Moutinho, Hulk, Otamendi e Fernando, sendo este último o mais visado e curiosamente depois de ter manifestado publicamente a vontade em ficar e o arrependimento nas declarações infelizes no final da Taça de Portugal e sobretudo quando agarrou a titularidade na equipa e tem vindo a evoluir para níveis próximos do que já fez no FC Porto.

A palavra “crise” tem sido usada abusivamente o que é um contra senso pois o FC Porto ainda não perdeu o primeiro lugar na Liga, venceu já um troféu, continua em frente na Taça de Portugal e no que diz respeito à Champions, continua a depender de si próprio para conquistar o apuramento e o primeiro lugar.

Não será descabido de todo associar a este volume de contra-informação um aproveitamento de um momento menos bom, em termos exibicionais, para derrubar o FC Porto.

Mas para o FC Porto isto não poderá afectar, aliás conta a história, que são nestes momentos que a equipa cresce e ganha.

Hoje o FC Porto, tem a possibilidade de criar a tal pressão junto dos adversários por ser o primeiro a entrar a jogo nesta jornada. Mas mais importante do que pensar nos adversários é vencer esta noite o Paços de Ferreira e consolidar em definitivo o espírito de vitórias que foi uma constante no ano passado.

O Paços de Ferreira chega ao Dragão numa fase menos positiva, depois de ter entrado bem na Liga, mas foi nos jogos com as equipas grandes que mostrou muitas dificuldades no sector defensivo, ainda que a linha atacante suscite alguma atenção. Mas é claramente um jogo que o FC Porto tem de vencer em qualquer situação, com melhor ou pior exibição, o que não pode acontecer é um resultado que não passe pela vitória do FC Porto.
Depois de uma exibição positiva frente ao Nacional, sobretudo pelo facto de Vítor Pereira ter alterado significativamente a equipa, apenas uma alteração nos convocados, a saída de Otamendi e a chamada de Maicon.

Aparentemente é um sinal que Mangala agarrou o lugar, e no caso de Otamendi a rotação que Vítor Pereira tem feito no que diz respeito a este sector, mas fica no ar, o momento menos bom de Otamendi, que iniciou esta época em grande nível que o levaram a ser titular nos últimos jogos da selecção Argentina.

Lista de convocados: Helton, Maicon, Alvaro Pereira, Guarín, Belluschi, João Moutinho, Kléber, Hulk, Rolando, Varela, Walter, James, Djalma, Sapunaru, Mangala, Fernando, Bracali e Defour.

É previsível que Vítor Pereira não altere muita coisa relativamente ao último jogo frente ao Nacional. Talvez a única alteração no onze seja mesmo a chamada de João Moutinho, que entrou muito bem no jogo do Nacional, em detrimento de Defour ou mesmo Fernando, sendo que no caso de Fernando, significará o regresso ao meio campo que no jogo do Vitória de Setúbal fez uma segunda parte de grande nível.

No ataque deverá continuar a ser aposta Walter, ainda que não seja opção para o jogo da Champions, repartindo o tempo de jogo com Kléber, que precisa também de minutos nas pernas pois é a única opção de ataque para a Champions. Outra dúvida é a aposta em James ou Varela. Varela esteve em bom nível frente ao Nacional e se nada aconteceu de anormal durante a semana, deverá manter a titularidade.

Equipa Provável: Helton, Sapunaru, Alvaro Pereira, Mangala e Rolando, Defour, João Moutinho e Belluschi, Varela, Hulk e Walter.

Independentemente dos jogadores é importante que o FC Porto volte a entrar com a dinâmica e velocidade que teve no jogo do Nacional. Desta vez o terreno de jogo estará em melhores condições o que irá ajudar para o tipo de jogo que o FC Porto gosta e pode realizar.

Vem aí jogos importantes, sobretudo na Champions, mas para já o FC Porto não pode desperdiçar oportunidades como fez contra o Feirense e o Benfica, jogos que claramente, com apenas um pouco mais, teria ganho e estaria hoje numa situação mais confortável e até do ponto de vista psicológico, com mas motivação.



O jogo está marcado para as 20:15 e terá transmissão na Sporttv.

Força Porto.
Ricardo Jorge

3 comentários:

Dragus Invictus disse...

Boa tarde,

Logo diante do Paços de Ferreira, os jogadores do FC Porto tem a oportunidade diante dos seus adeptos de vencer e convencer.

As vitórias são importantes para a confiança da equipa antes do embate diante do Apoel na terça-feira.

Espera-se maior afluência de público ao dragão, para ajudar a equipa a conquistar mais uma vitória.

Abraço

Paulo

dragao vila pouca disse...

Depois de uma vitória robusta, mas com uma exibição cinzenta, para o grau de exigência portista - noutras latitudes só veriam coisas boas na goleada. Basta ver a euforia calimera, com o Dr.CUTTY SARK já a falar em favoritismo ao título, se ganhar na Luz... -, o Campeão volta a jogar no Dragão, agora frente ao Paços de Ferreira, equipa que nos dois últimos anos não perdeu em casa do F.C.Porto. Nesta altura e em vésperas de um jogo quase decisivo no Chipre, é importante ganhar para manter a liderança e dar moral para terça-feira. Se puder ser com uma boa exibição, óptimo, a confiança aumenta, a moral também, mas o fundamental é ganhar e não perder pontos. Normalmente e em todas as épocas, não há quem não passe por um período menos bom, ultrapassar esse período mantendo o rumo, triunfando, é meio caminho andado para ter sucesso no final da temporada. Nesta fase, ninguém ganha campeonatos, mas podem-se perder campeonatos. Se o discurso que ouvimos a vários jogadores na noite do Coliseu, não passarem de lugares comuns, frases de circunstância e forem passados à prática, coisas bonitas vão acontecer ao Campeão. Hoje frente ao conjunto da Capital do Móvel e terça-feira frente ao Apoel, começaremos a ter respostas.

Abraço

Artigosonline/ana disse...

Boas,
Mais um jogo para o campeonato, mais um jogo em que a exigência vai ser elevada. Creio que agora o mais importante são as vitórias, as boas exibições chegam com o tempo. Por isso, com ou sem boa exibição, espero que o FC Porto dê, mais uma vez, a resposta certa.

Força FC Porto!

Cumprimentos

Ana Andrade

www.portistaacemporcento.blogspot.com
www.artigosonlineanaandrade.blogspot.com