sábado, 5 de maio de 2012

Todos os caminhos vão dar ao Dragão…

Depois de confirmada a conquista do título no ultimo fim de semana, hoje para além do habitual clássico que é sempre um FC Porto-Sporting, será a consagração no Dragão, dentro das quatros linhas, do 26º título de campeão Nacional.

Os festejos começaram no minuto seguinte ao apito final do Rio Ave-Benfica e deverão ser encerrados no final do jogo de mais logo, isto porque todos os Portistas estão confiantes que para além da festa irão assistir a mais uma vitória do FC Porto, a 5ª consecutiva nesta época, para a Liga.
Estas duas últimas jornadas deverão ser encaradas pelo FC Porto com seriedade e por forma a fechar a época com o maior número máximo de pontos.

Não estaremos na final da taça, como nos últimos 3 anos, como tal, exige-se profissionalismo para atingir a meta dos 75 pontos, ainda assim, menos 9 do que a fantástica época passada. Além disso, hoje, estamos a falar de um clássico e quando se joga contra o Sporting o pensamento tem de ser sempre vencer.

Do outro lado estará um Sporting muito motivado. A eliminação nos últimos minutos nas meias finais da Liga Europa foi compensada pela derrota do SC Braga, que coloca a possibilidade do Sporting chegar ao 3º lugar e à possibilidade de jogar as eliminatórias de acesso à Champions.
Ingredientes que deverão adicionar ao jogo motivação e competitividade para as duas equipas irem à procura da vitória. Vítor Pereira ao convocar os mesmos 18 da última jornada mostra que não está em poupanças nem tão pouco com vontade de apostar em jogadores menos utilizados.

Por um lado demonstra vontade de continuar a vencer, independentemente do objectivo conquistado, por outro é incompreensível porque razão convoca Rolando, que não é titular e poucos acreditam que ficará no Dragão na próxima época, em detrimento de Mangal.
Ou mesmo, porque razão não dá uma ultima oportunidade a Iturbe, quando jogadores como Djalma ou Kléber, não são opções regulares o que indica que poderão não estar no Dragão na próxima época.

As noticias multiplicam-se e quando se lê que este jogador poderá sair, ou por empréstimo ou mesmo a título definitivo, a frustração para o comum adepto ainda é maior, quando se olha para as alternativas e vê-se Cristian Rodriguez que entrou de férias mais cedo, Djalma, que nunca mostrou valor para ser titular nesta equipa pese embora as inúmeras oportunidades que teve, ou mesmo quando se percebe que Hulk e James estão a ser altamente cobiçados.
Já no caso de Alvaro Pereira é perceptível a ruptura, pelo que manteve a coerência em não o convocar.

Lista de convocados: Helton, Danilo, Lucho, Maicon, João Moutinho, Kléber, Hulk, Rolando, Varela, James, Djalma, Sapunaru, Fernando, Alex Sandro, Janko, Otamendi, Bracali e Defour.


O jogo não será fácil pela postura que se espera do Sporting. Vítor Pereira deverá manter o onze mais forte que tem apresentado para corresponder à força e motivação deste Sporting, ao mesmo tempo que atribui um prémio aqueles que mais contribuíram para a conquista de mais um título de campeão Nacional.

Outro título que ainda é possível, ainda que difícil de alcançar, é a possibilidade de Hulk chegar ao topo dos melhores marcadores. Actualmente tem menos 5 golos que Lima e Cardozo, mas caso não seja possível, o título de melhor marcador do FC Porto deverá ser alcançado, uma vez que James tem menos 2 golos.

Actualmente o FC Porto é detentor da melhor defesa da Liga, o Sporting vem logo a seguir com mais 5 golos sofridos, e é também o melhor ataque da Liga na companhia do clube do Regime, questões menores, mas que ficam para a estatística.

Equipa provável: Helton, Sapunaru, Maicon, Otamendi e Alex Sandro, Fernando, Moutinho e Lucho, James, Hulk, e Janko.

Todos os caminhos vão dar ao Dragão. Será um final de tarde e noite de festa, assim esperam todos os Portistas.

O jogo está marcado para as 20:30, tal como todos os outros jogos da Liga, e terá transmissão na Sporttv.

Força Porto.
Ricardo Jorge

2 comentários:

Dragus Invictus disse...

Boa tarde,

Hoje é dia de clássico e da consagração perante a família portista dos nossos bicampeões.

Foi uma época difícil, de sofrimento, em que por vezes deixei de acreditar que seria possível ser bicampeões.

Mas o FC Porto é um clube que tem no seu comando Jorge Nuno Pinto da Costa, que inteligentemente deu um voto de confiança a VP, e colheu os frutos do sucesso.

Foi um título saboroso, pois quanto maior a fanfarronice dos vermelhos, mais gozo nos dá.

Hoje temos de ter uma atitude séria diante do Sporting, que vem ao Dragão tentar conquistar a vitória que lhe permita sonhar com o terceiro lugar.

Acredito na vitória, porque somos melhores e os nossos jogadores vão querer presentear a família portista com uma boa exibição e vitória.

Abraço e bom fim de semana

Paulo

Artigosonline/ana disse...

Boas,
Já com o título em mãos, é hora do campeão entrar em campo para, perante os seus adeptos, festejar e claro que a melhor maneira de festejar é com uma vitória! Não será um jogo fácil, pois o Sporting anda à procura de chegar ao terceiro lugar. Posto isto, acredito que será um bom jogo de futebol.

Força FC Porto!

Cumprimentos

Ana Andrade

www.portistaacemporcento.blogspot.com
www.artigosonlineanaandrade.blogspot.com