sábado, 22 de setembro de 2012

Ataque ao primeiro Lugar

Depois do bom início na Champions o FC Porto volta a competir na Liga, recebendo hoje no Dragão o Beira Mar. E esta vitória na Champions veio na melhor altura, não que o FC Porto passasse por uma crise de identidade, mas foi importante para a motivação de uma equipa que viu perder o seu melhor jogador e capitão durante este período de mini férias.

Não se pode dizer que foi um mau arranque de liga, com excepção do primeiro jogo, onde o FC Porto perdeu 2 pontos e não esteve bem a nível exibicional, mas depois desse jogo a equipa tem vindo a evoluir, primeiro goleando categoricamente o Vitória de Guimarães, depois vencendo o Olhanense depois de estar a perder.

Hoje o adversário é o Beira Mar, uma equipa que está no fundo da tabela, ainda não venceu e soma apenas 2 empates, curiosamente, com os mesmos pontos do outro candidato, ou não, ao título, o Sporting.

Não estamos a falar de uma equipa muito forte, nem muito bem organizada, o FC Porto tem todas as condições para vencer sem dificuldade este adversário e assim somar mais 3 pontos no ataque ao primeiro lugar, até porque são nestes jogos que não se podem perder pontos e que terão reflexo no final da época.

Do lado do FC Porto, algumas ausências importantes. Lucho está na Argentina, pelos motivos que já se sabe, Fernando continua a recuperar da lesão e Otamendi, sem constar no boletim médico, ficou de fora por opção, tal como Rolando, que continua de fora, ambos preteridos por Abdoulaye, sendo esta a nota de maior destaque na convocatória de Vítor Pereira.

Lista de convocados: Helton e Fabiano, Danilo, Maicon, Castro, Iturbe, João Moutinho, Jackson Martínez, James, Kléber, Miguel Lopes, Varela, Mangala, Abdoulaye, Alex Sandro, Atsu, Kelvin e Defour.


< Com as ausências forçadas de Fernando e Lucho, Vítor Pereira vai ser obrigado a mexer no meio campo e no ataque, isto porque James deverá recuar para a posição que mais ambiciona jogar. Mas as alterações não deverão ficar por aqui. Muito provavelmente, o triangulo do meio campo será invertido, com Moutinho e Defour mais perto um do outro libertando James para o vértice da frente.

No ataque, deverá surgir Atsu no lugar de James, permitindo alinhar num claro 4X3X3, com Varela no lado esquerdo e Atsu no lado direito a apoiar Jackson.

Na defesa, com a ausência de Otamendi, será naturalmente Mangala a avançar para a titularidade, enquanto que é provável que Danilo volte à titularidade, para reforçar a ala direita no que diz respeito às acções ofensivas, isto querendo acreditar que a opção de Miguel Lopes em Zagreb foi precisamente para assegurar mais agressividade no sector defensivo.

Equipa Provável: Helton, Danilo, Alex Sandro, Maicon e Mangala, Defour, Moutinho e James, Varela, Atsu e Jackson.

Vítor Pereira afirmou há dias que a identidade da equipa continua a mesma, depois da saída de Hulk, contudo, é preciso criar uma alternativa a este esquema de jogo. Com Lucho na equipa, Vítor Pereira tem de pensar num esquema alternativo, baseado no 4X4X2, até porque os desiquilibrios deste 4X3X3 estão limitados e com equipas mais fortes poderá não ser suficiente para alcançar as vitórias.

O jogo está marcado para as 20:30 e terá transmissão na Sporttv1.

A todos aqueles que possam estar no Dragão, não faltem, é nestes jogos que a equipa precisa mais de apoio.

Força Porto.
Ricardo Nuno Gonçalves Jorge

2 comentários:

Azulibranco disse...

Belíssima exposição.
E uma grande verdade, é nestes jogos que não se podem perder pontos, pontos que, no fim, nos podem garantir a vitória no campeonato.
De resto, a equipa que o Ricardo aqui anteviu está muito bem pensada, será mesmo essa a jogar, e será uma boa opção.
Abraço

Dragus Invictus disse...

Boa tarde,

Hoje sem Lucho no miolo, VP tem pela frente o primeiro desafio pessoal da época.

Vamos ver como preparou a estratégia, uma vez que além de Fernando, Lucho era a outra pedra nuclear do nosso miolo.

Nas minha opinião a melhor solução era o meio campo com Danilo, Defour e Moutinho, e na frente e James, Jackson e Atsu.

Espera-se um Beira-Mar na luta pelo empate e que vai tentar enervar e segurar o empate na primeira parte.

Temos de contrariar esse jogo passivo, com agressividade, rapidez de circulação de bola e mobilidade.

Espera-se um Jackson matador, pois face ao jogo ofensivo que criámos, marcamos poucos golos.

O apoio dos adeptos será fundamental para empurrar a equipa para a vitória.

Mesmo sem Lucho, levem um papel A4 com a sua foto e levantem-no bem alto na altura que as equipas se apresentarem diante da tribuna.
Lucho merece, pelo seu profissionalismo e amor ao clube.

Abraço e bom fim de semana

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.pt