quinta-feira, 5 de maio de 2011

Uma derrota...saborosa...

O FC Porto carimbou hoje a passagem à final da Liga Europa, apesar da derrota frente ao Villarreal por 3-2.
Com consciência da dificuldade que o Porto sentiria no "El Madrigal", Villas-Boas não facilitou e apesar das notícias avançadas pelos jornais durante o dia, lançou João Moutinho a titular, mesmo este correndo o risco de ficar fora da final de Dublin.

Assim, o onze portista foi o habitual, face à contínua titularidade de Rodriguez: Helton, Sapunaru, Alvaro, Otamendi e Rolando, Fernando, Guarin e João Moutinho, James, Hulk e Falcão.

O Villarreal entrou como seria de esperar: de forma agressiva, com vontade de marcar cedo e reacender a esperança de poder dar a volta à eliminatória. Por esse motivo, a equipa azul e branca sentiu muitas dificuldades na primeira meia hora em jogar o seu jogo habitual e em conter o fulgor atacante da equipa espanhola.
O Villareal marcou aos aos 17 minutos, e a verdade é que o Porto não voltou a sofrer nenhum golo na primeira parte graças ao Helton, que esteve irrepreensível durante toda a noite. Grande jogo do capitão portista! Apesar do golo, a equipa portista não tremeu.

A vantagem ganha na primeira mão dava uma segurança muito grande,e sabíamos que mais tarde ou mais cedo o jogo da equipa portista acabaria por sobressair. Isso aconteceu a cinco minutos do intervalo, com uma boa jogada de Hulk, e o golo marcado que deitou por terra todas as esperanças do Villarreal. Após arrancada pelo meio-campo, o Incrível disparou forte de fora da área e beneficiou do desvio de Musacchio para fazer o empate. Antes do intervalo, Hulk ainda desperdiçou uma grande oportunidade para ficar em vantagem no marcador.

A segunda parte começou com um Porto mais forte, com boa circulação de bola, o que resultou num golo proveniente de uma jogada fantástica que começou em James, passou por Guarín e acabou em Falcao. Depois de estar em vantagem, ainda houve tempo para James desperdiçar uma oportunidade flagrante de golo e Guarín mandar uma bola à trave. Mas a equipa do Villarreal não esmoreceu, e numa retomada de fôlego, conseguiu marcar o golo do empate, numa desatenção da defesa portista, e, pouco depois, através de penalty, conseguiu voltar à vantagem.

Declarações de Villas-Boas:



Declarações dos heróis



A derrota do Porto por estes números acaba por ser justa, face ao empenho que os jogadores da equipa espanhola demonstraram no jogo de hoje. Mas não há dúvidas nenhumas de que na soma das duas mãos o Porto foi claramente melhor e mereceu a passagem à final da Liga Europa. Nota positiva para os adeptos do Villarreal.



Não há forma de não referi-lo. Foi por causa deles que a equipa ganhou novo fôlego, e mesmo tendo sido eliminados fizeram uma festa muito bonita e nunca deixaram de apoiar a sua equipa. Uma lição para muitos adeptos portugueses. Um grande destaque para Helton. Apesar dos três golos sofridos, as suas intervenções fantásticas ao longo de todo o jogo ajudaram o Porto a carimbar esta passagem à final. 


Destaque para mais um record ultrapassado por Falcao. O colombiano fez o 16º golo na Liga Europa e deixou para trás o alemão Jurgen Klinsmann, tornando-se, agora sozinho, o melhor marcador de sempre numa só temporada europeia. Fantástico, de facto.
Guarín também esteve grande no jogo de hoje, Brilhante a actuação do médio colombiano que dominou, por completo, as acções a meio campo e destacou-se no passe, onde chegou a ser soberbo. E ainda teve tempo para levar uma bola à trave. Muito bem, Guarín!
Pela negativa as lesões de Rodriguez (rotura muscular) e Fernando (entorse pé)! O uruguaio estava em grande forma, sendo titular há vários jogos consecutivos (com excepção do último jogo para o campeonato). Esperemos que não seja demasiado grave.
 
 

Teremos agora o grande Braga pela frente.

Um grande Braga que já deixou pelo caminho muitas equipas de topo, e que protagonizou com o FCPorto na primeira mão do campeonato nacional aquele que foi talvez o melhor jogo de toda a competição.

Diz Pinto da Costa e muito bem: o Benfica seria mais fácil.



 

Domingos é inteligente, e o Braga tem sido tacticamente perfeito em momentos decisivos. Mas nós temos melhor futebol, esperemos que isso sobressaia!
 

Agora Dublin, colorida de cores portuguesas, terá uma grande final no dia 18!
Sempre a fazer História...

Saudações portistas,
Carla Correia

8 comentários:

100% Dragão disse...

Boa Noite

Grande campanha da nossa equipa, hoje é um dia histórico, voltamos a uma final europeia, Grande trabalho de todos os jogadores, do nosso Grande treinador e do nosso Enorme Presidente. Mas atenção! Só vamos festejar quando a taça for nossa!

Obrigado Porto

Abraço

http://100porcentodragao.blogs.sapo.pt/

penta1975 disse...

caríssima(os),

submarino ao fundo! :)

«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs! ;)

Miguel | Tomo I

dragao vila pouca disse...

Não foi com sombrero, mas que interessa isso, quando a eliminatória nunca esteve em perigo e passou a melhor equipa?

Época para a memória e atenção que já tivemos muitas...

A arrogância e a megalómania foi triturada.

Parabéns à estrutura do F.C.Porto, na pessoa do seu Presidente.

Ao técnico e equipa técnica.

Aos médicos e enfermeiros.

E aos adeptos, fantásticos que nunca deixaram a equipa caminhar sozinha.

Um abraço

HD disse...

Com tanta raça, vontade, classe e humildade esta derrota está perdoada. Foi pena porque tivemos a vitória na mão e depois, num instante, escapou. Mas, o percurso até à final foi absolutamente sensasional.

Eliminatória conquistada e o princípio de sonho está feito: Dublin. Orgulhosamente Portista.

No outro jogo das meias finais o Braga eliminou o MAIOR CLUBE DE PORTUGAL: estou a falar, claro está, do Benfica da década de 60', do Benfica de Eusébio. LFV conseguiu ,junto da UEFA, trocar todos os inscritos na Liga Europa pelos craques daquela década gloriosa para o clube. Fracasso total.
Eusébio esteve apagado todo o jogo e na flash interview culpou os petiscos oferecidos no Hotel do Salvador. - " foram os tremoços" disse o Pantera Negra.

De volta ao Século XXI: o Benfica é uma instituição de invejosos, parolos e fanfarrões. O FC Porto é o MAIOR E MELHOR CLUBE PORTUGUÊS!

O Braga apesar de beneficiar de uma "fraca" estrutura da competição (nunca um terceiro classificado da Champions devia cair para a Liga Europa) está na final de Dublin com todo o mérito. Para mim será uma final de sonho: duas equipas do norte de Portugal.

Domingos é para mim um treinador de topo e no passado foi um ídolo de infância. Gosto muito de Domingos, mas agora também ele terá de cair.

Sporting de Braga VS FC Porto. Até Dublin.

Dragões Unidos...

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Ontem como se esperava, os espanhóis entraram muito agressivos, e a fazer uma enorme pressão sobre a equipa de arbitragem. Nos primeiros 25 minutos passamos por dificuldades, fruto do pressing desta equipa de grande qualidade. Acabaram por conseguir marcar, apesar de Helton e Otamendi, nomeadamente, estarem imperiais na defesa.

Depois de sofrermos o golo partimos para cima, e demos a reviravolta no marcador, e estivemos perto do 3-1, mas fruto das lesões, e da substituição necessária de Moutinho, acabamos por permitir ao Villarreal vencer a partida.

Falcao, Guarin e Hulk fizeram um excelente jogo.

Falcao bateu o recorde de golos numa só edição da UEFA Europa League ou Taça UEFA, estabelecido por Jürgen Klinsmann há 15 anos, ao elevar a sua contabilidade para 16 na caminhada do FC Porto rumo à final.... Notável!

Fizemos história, e estamos mais uma vez, passados 7 anos numa final europeia!

Uma palavra de apreço para os bravos adeptos do Porto que foram apoiar a equipa.

A nossa equipa continua a fazer uma época de sonho, e esperamos todos que culmine com a conquista da Liga Europa e Taça de Portugal.

Parabéns ao Braga e a Domingos ... o ídolo que fez o nosso treinador entrar nas lides do futebol.

Sem ironias, concordo que o Braga será mais difícil de bater numa final que o Benfica, uma vez que é uma equipa muito consistente defensivamente, e que consegue "guardar" vantagens mínimas.

Um abraço e bom fim de semana,

Paulo

http://pronunciadodragao.blogspot.com/

PS
Este fim de semana em Águas Santas podemos escrever mais uma página bonita na história do nosso clube. Caso vençamos os locais, seremos tricampeões nacionais de andebol.

P. Ungaro disse...

Boas,

Uma derrota com um agradavel saber a vitoria rumo a Dublin.
Há derrotas que são importantes, como na minha optica com o Sevilha que nos faz cair na realidade e não viver de uma ilusão ou do passado como muitos. No caso de ontem acho que AVB esteve mais uma vez á altura, deu responsabilidade a Moutinho e mentalizou os jogadores para não entrarem em panico se por ventura o villareal começasse a marcar e foi isso que se viu. De resto controlamos o jogo como se impunha e carimbamos o bilhete para mais uma final europeia.

Uma palavra para um miudo que se tornou um homem e um grande trinador de futebol. Domingos Paciencia.

Um abraço

http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.com

DavidPintoFaria disse...

AMO-TE PORTO!!!!

LilBlueMan disse...

Tenho 4 bilhetes a mais para a final em Dublin.

São bilhetes de 105 euros todos juntos

Não estou a fazer dinheiro com os bilhetes, só quero ver o estádio cheio com Portistas.
se souberes de alguém interessado diz.