quinta-feira, 7 de outubro de 2010

As mulheres que amaram MR. King

Publicado em 28 de Dezembro de 1995 no jornal "A Bola"

Um ex-árbitro internacional falou abertamente da oferta de prostitutas por clubes europeus, entre os quais Sporting e Benfica.


Howard King, com 49 anos, era um árbitro de categoria. Costumava ser designado para os grandes choques entre os mais importantes clubes ingleses e entre os principais da Europa nas competições da UEFA.A sua primeira declaração ao referido jornal é esta :

"Quando precisava de uma rapariga dirigia-me a intermediários dos representantes do clube que me parecia mais vulmerável e dizia-lhes:" Este jogo é muito importante para vocês: carecem da qualificação e o árbitro serei eu, a menos que arranjem as coisas de forma a que possa levar a rapariga comigo garanto-vos que a vitória não será vossa ."

"TEMOS DE VENCER AMANHÃ, MR.KING !"

Essas exigências, segundo MR. King revelou ao News of the worl, só tinham lugar quando os jogos que ia arbitrar envolviam clubes do continente. Uma das mais escândalosas propostas que recebeu verificou-se em Lisboa, antes de um importante encontro entre o Sporting e o Dínamo de Minsk. Confessa King

"Nessa noite levaram-me a um clube, em Lisboa, onde se encontravam muitas raparigas das mais belas e bonitas. O fulano que me acompanhava disse: "Escolha!" Respondi que não compreendia o que aquilo significava, mas ele esclareceu: " "E eu, claro, escolhi uma loira, alta, a mais bela mulher que vi em toda a minha vida ."

Isso foi em 1984. O Sporting venceu por 2-0. O árbitro inglês jura a pés juntos que não favoreceu nenhum dos clubes intervenientes. Disse, ainda que, depois do jogo, um delegado do D.Minsk entrou na cabine para entregar-lhe um presente mas encontrou-o abraçado a um antigo amigo português, um dirigente federativo: "As coisas em Lisboa eram boas em demasia!"

"A UEFA sabe perfeitamente o que se passa quanto a hospitalidades de quarto de cama mas nada faz para o impedir. Enviaram-me prostitutas em quase todos os países onde arbitrei: na Rússia, Alemanha, Portugal, holanda, Espanha, Dinamarca. Entre 1983 e 1993 arbitrei jogos que nevolviam clubes como Barcelona, Benfica, Sporting, Ajax, PSV, Hamburgo ou Bayern. Mandaram-me mulheres para os quartos em, pelo menos, 12 ou 15 ocasiões. Tratava-se de raparigas na casa dos 20 anos, quase sempre belas figuras. Não se comportavam directamente como subornadoras mas sabiam muito bem o papel que estavam a representar e, invariavelmente, diziam saber quem eu era. Isso fazia parte de um metódo que os clubes utilizavem na esperança de ganhar vantagens e experiência."

Entra o Benfica

Em 1992 MR. King regressa a Portugal para dirigir o Benfica- Sparta de Praga. Eis as suas afirmações :

"O valor dos presentes que me enviaram excedeu em muito o limite de 40 libras (cerca de 10 contos) a que estamos autorizados. Fui almoçar com o delegado da UEFA a esse encontro, que era, simultaneamente o presidente do Comité de Arbitragem da UEFA, que ao ver as prendas que eu recebera disse imediatamente: " Você está a colocar-se em situação dificil!" Claro que concordei, mas a arbitragem no dia seguinte não deu margens para reparos. Não lhe falei, no entanto, na rapariga que esteve comigo na noite anterior. Ela não me pediu dinheiro e eu , como é natural , nada lhe ofereci ."

5 comentários:

Templo do Dragão disse...

vai durar pouco esse bídeo...

Dragus Invictus disse...

Olá boa tarde,

Se acontecer como até aqui, vai ser retirado por reclamação de direitos de autor....
É uma espécie de censura à lá regime fascista!

Abraço

dragao vila pouca disse...

Se fosse só o Mr King...

A Sportinvest e o You Tube são uma vergonha.

Vídeos que violam a lei deixam estar, os dos blogs que não prejudicam ninguém, antes os promovem, apagam-nos.
Um nojo.

Abraço

Anónimo disse...

Estamos aqui a falar de UM caso isolado, embora sempre deplorável. Poderiamos tb discutir aqui a idoneidade desse NEWS of THE WORLD mas o que ressalta desta notícia de arquivo é apenas isto : que dirigentes do SCP(meu clube) e do SLB ofereciam mulheres com vista a serem beneficiados ou, atrevo-me a dizer, NÂO PREJUDICADOS contra os estrangeiros, tradicionalmente mais fortes (e ricos). Agora que o Sporting não venceu a Taça Uefa à custa da "fruta" tb está evidente bem como o SLB porque nunca a ganharam. Continuem a procurar no arquivo...

Anónimo disse...

Por acaso fui consultar o arquivo da taça Uefa e no caso do Sporting constatei que o mesmo foi eliminado pelo clube de Minks depois de na antiga URSS ter perdido por 2 a zero. A eliminação do Sporting deu-se nas grandes penalidades! O Benfica empatou o jogo com o Sparta de Praga em 92 para a Liga dos Campeões (1-1), resultado que se verificaria tb em Praga. O Benfica ficaria em 3º lugar do grupo onde passaram BArcelona e o mesmo Sparta. Para que se esclareça....