terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Antecipar mais uma vitória

O FC Porto defronta esta quarta-feira o Nacional, antecipando a 20ª jornada, naquela que foi uma jogada de antecipação face ao calendário apertado no mês de Fevereiro e em concreto a jornada que surgia entre as duas mãos da Liga Europa.

O mês de Janeiro não tem dado descanso, mas alguns dos jogos tem permitido alguma rotação de jogadores e o saldo até ao momento é positivo e só não é perfeito face à derrota no primeiro jogo do ano, frente a este mesmo Nacional que regressa assim ao Dragão.

Quem viu o Nacional na primeira volta (derrota 2-0), a vitória na taça da Liga e o ultimo jogo frente ao Benfica, fica com a sensação que não é uma equipa forte o suficiente para ganhar ao FC Porto. O que aconteceu na taça da Liga, podia acontecer com qualquer adversário.

Ainda assim, com alguma irregularidade, mantém-se na luta por um lugar nos 5 primeiros classificados, mas com apenas mais 3 pontos que o 9º classificado.

Não será um FC Porto tão apático e com excesso de confiança do jogo da taça da Liga que irá defrontar desta vez o Nacional. A competição é diferente e reina no Dragão o objectivo de não perder pontos no campeonato, pelo menos, até à Liga Europa.

Villas Boas fez bem em referir que não será um jogo de vingança. Nem fazia sentido, até porque houve mais demérito do FC Porto do que mérito do Nacional para a taça da Liga. Como tal, resta ao FC Porto apresentar-se forte e muito seguro, com niveis de concentração acima da média, e procurar somar mais 3 pontos.

Villas Boas continua com os 2 indisponíveis dos últimos tempos, Alvaro e Falcão. Mas fez regressar, naquela que foi a única alteração à convocatória, Beto. Os 19 jogadores convocados dá a ideia que poderá existir dúvidas em algum provável titular.

Lista de convocados: Helton, Maicon, Guarín, Belluschi, João Moutinho, Cristian Rodríguez, Hulk, Fucile, Rolando, Rafa, Varela, Walter, James, Sapunaru, Souza, Beto, Fernando, Rúben Micael e Otamendi.

Depois de no último jogo, a equipa de Villas Boas ter mostrado alguma falta de lucidez na finalização, é provável que exista mexidas no sector atacante. Varela foi o mais apagado do sector atacante pelo que é provável que surja Walter, como nova oportunidade a titular, ele que tem sido ultimamente elogiado por Villas Boas.

Provável é também a titularidade de Guarin, dando mais força e mais poder de fogo contra uma equipa que certamente irá tentar a mesma jogada no Dragão, ou seja, defender muito e partir para o contra ataque.

Equipa provável: Helton, Sapunaru, Rafa, Otamendi e Rolando, Guarin, Moutinho e Belluschi, Hulk, James e Walter.

Antevisão de Villas-Boas:



Apesar da hora do jogo e de ser dia de trabalho para muitos portistas era importante um apoio forte à equipa, naquele que será, em caso de vitória, um estimulo forte e uma jogada muito bem delineada por forma a antecipar futuras dificuldades de calendário.

O jogo está marcado para as 19:45 e terá transmissão na TVI.

Força Porto.

Ricardo Jorge

Por Rui Valente em renovaroporto.blogspot.com/

Petição Contra a discriminação ao Futebol Clube do Porto e pela demissão dos Directores de Informação da RTP
Para a petição ter o impacto pretendido, é necessário informar familiares, colegas e amigos, usando todos os recursos de comunicação ao nosso alcance.


Sem isso, levaremos muito mais tempo a fazer chegar à Assembleia da República o nosso descontentamento. Até ao momento, conseguimos reunir cerca de quatro centenas de assinaturas. Não é mau, mas podia ser melhor.


Vamos a isso.

2 comentários:

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Logo vamos ter mais um duro teste na corrida ao título.

O Nacional é uma das melhores equipas da 1ª. liga, com alguns bons jogadores, que podem marcar a diferença.
Contam com um excelente guarda-redes e uma defesa extremamente sólida.

Sofreram 4 golos no galinheiro, mas três deles foram de extrema infelicidade e aos trambolhões.

Vais ser portanto um jogo de paciência para os jogadores e adeptos que se deslocarem ao Dragão.
Se o FC Porto jogar com garra, velocidade e pressionante conseguirá vencer este Nacional e dar um passo decisivo rumo ao título.

Abraço

Paulo

penta1975 disse...

espero uma noite de "ópera", mesmo sabendo que 8e nas palavras do nosso "mestre André") «o jogo resolve-se em noventa minutos e não com entradas galopantes». ;)

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs!

Tomo I