domingo, 2 de outubro de 2011

90 Minutos com nota positiva

Com pressão ou sem pressão o FC Porto saiu de Coimbra com nota positiva e mais importante, do ponto de vista psicológico, com a manutenção do 1º lugar no campeonato, claro, que para o Jornal Record, esse continua ocupado desde a semana passada pelo clube do regime.

Vítor Pereira manteve o esquema habitual e apostou, finalmente, em Walter. E a aposta até correu bastante bem. O jogador começou algo apático, tal como a restantes equipa, mas aos poucos começou a surgir em acção.

Não foi sem dúvida um grande jogo do FC Porto. Lento muito lento, com excepção de alguns contra ataques bem delineados, lento nas transições, sem grande dinâmica, mas uma equipa bastante concentrada e a jogar sempre no passo certo.

A Académica também contribuiu para alguma monotonia, uma equipa claramente à espreita do contra-ataque e o FC Porto perante este cenário manteve um ritmo lento como que chamando o adversário para subir no terreno.

Mas com o decorrer do jogo o FC Porto claramente assumiu o jogo e acabou por chegar ao intervalo a ganhar por 2 golos de diferença, em tantas outras boas oportunidades. Hoje, o FC Porto esteve muito eficaz se bem que a qualidade do primeiro golo e a tranquilidade que James teve no segundo demonstrou em campo um FC Porto alheio da suposta crise que se falou durante a semana.

A chamada de Guarin à equipa permitiu ao meio campo ter mais força e mais agressividade o que fez com que o FC Porto tivesse muita posse de bola no meio campo.

Na segunda parte e já com uma vantagem tranquila, o FC Porto fez aquilo que não fez nos últimos jogos, que foi continuar com o mesmo ritmo de jogo, ainda que lento, mas claramente à procura de mais golos. Com o jogo na véspera do outro rival o FC Porto precisava de sair de Coimbra com uma vantagem de 3 golos e assim conseguiu rapidamente numa boa triangulação com a finalização de Guarin. Mas não era apenas este o motivo, até porque, depois do 3º golo o FC Porto continuou à procura do 4º, se bem que foi nessa fase que a Académica teve as melhores oportunidades no jogo.

Aliás, a defesa não esteve muito concentrada, é certo que o meio campo decaiu de forma na segunda parte, mas viu-se muita falta de concentração nas marcações. Salvou-se Helton que acabou por impedir, por várias vezes, o golo da Académica.

Para além de Helton, Fucile esteve igualmente em bom plano, claramente um novo Fucile depois do desastre na Rússia. No meio campo, Guarin destacou-se, que falta fez na Rússia, e lá na frente Walter disse “Contem Comigo” e claro, o miúdo James que apesar de não ter estado em grande evidência, teve um momento de genialidade onde ficou demonstrada a qualidade e maturidade deste miúdo. Hulk, voltou a não desequilibrar pela qualidade que tem, mas acaba por assistir na perfeição para o primeiro golo e arrancou um conjunto de faltas perto da área, raramente aproveitadas.

Este é outro dos pontos a rever no futuro. O FC Porto não tem aproveitado ou treinado este tipo de faltas à entrada da área e são vários os lances que surgem em todos os jogos. Outro aspecto para Vítor Pereira rever.
Novamente muitos furos abaixo esteve Djalma. Mais uma vez aposta de Vítor Pereira o Angolano voltou a não acrescentar nada de positivo à equipa. Não se percebe porque neste jogo não saiu Hulk em detrimento de James, era o que fazia sentido numa lógica de gestão do esforço, mas também não sabemos se James estaria com queixas.

Dragão Azul TV



Se há algo acertado que Vítor Pereira disse nos últimos tempos, foi no final deste jogo, quando referiu que esta pausa irá servir para corrigir vários aspectos de jogo. Sim, é a visão adequada para o que se está a passar com o FC Porto. É certo que este resultado moraliza, pelo regresso às vitórias e a manutenção do primeiro lugar na Liga, mas, é preciso mais, é preciso mais concentração defensiva e mais agressividade atacante.
Num jogo sem casos de arbitragem Paulo Batista, desta vez, apitou bem, mas aqui foi mais mérito das duas equipas que limitaram-se a jogar futebol do que propriamente qualidade desta equipa de arbitragem.

Última nota para o público que se ouviu do inicio ao fim, sempre a apoiar os jogadores. Eles prometeram e cumpriram. Estamos presentes para apoiar a equipa pelo que não tem sido por falta de apoio que a equipa está alguns furos abaixo daquilo que todos nós sabemos que podem e devem colocar em campo.



Todas as imagens dos jogos do FC Porto.
(Clique na imagem para entrar)

Esta pausa, ao contrário do que é habitual no FC Porto irá ser bastante positiva. Primeiro, do ponto de vista físico, recuperar quase meio plantel para os próximos meses que serão decisivos no que diz respeito à Champions. Segundo, corrigir a estratégia e a dinâmica da equipa. Falta agressividade atacante à equipa e penso que seja possível com os jogadores deste plantel fazer muito melhor.

Força Porto.
Ricardo Jorge

7 comentários:

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

caríssimo(s),


hoje fomos capazes de «dar uma resposta à Porto».
e, para mim, foi uma reposta inequívoca, convincente e categórica, pelo que a Equipa está de Parabéns e o mister ganha um novo fôlego junto de muitos de nós, descrentes das suas capacidades - onde me incluo (confesso).

assim, reconheço que, por ainda haver algumas "arestas por limar", a próxima paragem no campeonato (para os comprimissos da Selecção) será benéfica.


somos Porto!, car@go!


«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)

Miguel | Tomo II

dragao vila pouca disse...

Tranquilo regresso à normalidade

Depois do nervosismo de três jogos sem ganhar, coisa rara no Dragão e da derrota na Rússia, junto ao desgaste fisíco de ter de jogar 45 minutos com 10, em S.Petersburgo, o jogo de Coimbra era muito importante e era fundamental ganharmos. Ganhamos, com clareza e justiça, mesmo que a exibição não fosse do outro mundo. Não era prioritário, os 3 pontos, sim.
Agora, com a cabeça mais limpa e outra tranquilidade, podemos trabalhar mais descansados, melhor e afinar a máquina para os importantes jogos que se adivinham, nomeadamente na Champions, onde os 2 confrontos com o Apoel são decisivos.

Abraço

Dragaopentacampeao disse...

Foi o jogo perfeito para o FC Porto voltar às vitórias, frente a um adversário jovem e «tenrinho» que não colocou grandes obstáculos.

Os Dragões, sem realizarem uma exibição convincente lá foram disfarçando alguma falta de confiança de alguns jogadores e menor rendimento de outros, que têm afectado a equipa.

Foi evidente a dificuldade inicial para criar desequilíbrios, pelo que os primeiros vinte minutos foram caracterizados pelo futebol directo, geralmente mal executado, face à imprecisão dos passes longos.

Depois do golo inaugural a Académica desuniu-se e o FC Porto aproveitou.

Vitória justa e tranquila.

Walter estreou-se finalmente a titular e marcou.

Não entendo não ser opção mais séria. Os responsáveis devem ter a coragem de se assumirem. Das duas uma, ou o avançado tem a sua confiança, devendo ser utilizado com mais frequência ou então assumem que a sua contratação foi um erro e dispensam-no do plantel.

Um abraço

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Após 3 partidas em que mais do que não vencer, jogamos mal, cometemos erros, ontem voltamos às exibições seguras, à Porto.

Fomos dominadores, tranquilos, entrámos na partida a saber o que queríamos.

O adversário era complicado, mas soubemos dominar e controlar o jogo.

Sem termos efectuado uma exibição deslumbrante, conseguimos dar um grito de revolta e conquistar 3 pontos importantes, após as vitórias de Benfica e Sporting.

Realce para as actuações de Guarin, James e Walter.
O jovem brasileiro sem ser aposta da equipa técnica ontem cumpriu e conseguiu marcar.
Gostei muito do seu discurso humilde no final do jogo. Walter é um homem de bom coração, mas que precisa do apoio do staff e companheiros para definitivamente se afirmar na equipa.

Agora vem uma paragem que vai permitir recuperar fisicamente e animicamente os atletas.

Depois da pausa, espera-se um Porto forte, que arranque para um ciclo de vitórias e com mais constância exibicional.

Mais uma vez os nossos adeptos foram incansáveis no apoio à equipa ... e ontem esta mereceu.

Abraço e boa semana

Paulo

Artigosonline/ana disse...

Boas,
O FC Porto regressou às vitórias num jogo que não se adivinhava fácil, não só devido à pressão que começava a existir devido aos resultados verificados nos últimos três jogos, mas também devido ao conhecimento que o treinador da Académica tem desta equipa. Gostei do jogo, ainda que acredite que esta equipa é capaz de fazer melhor, por exemplo: preferia que a bola andasse mais para a frente do que para traz ou que hulk partilhasse a bola mais vezes. Na minha opinião Vítor Pereira esteve bem na definição do onze inicial bem como nas alterações que efectuou. Objectivamente esta vitória foi importante para o grupo - vamos ver se acalma as hostes - e para a manutenção do primeiro lugar, ainda que partilhado com o Benfica. Agora é aproveitar a paragem para jogos das selecções para recuperar os lesionados, para recuperar fisicamente os que estão em baixo, para limar arestas que estão por limar e esperar que nenhum dos atletas que vai representar as selecções regresse lesionado. De salientar o fantástico apoio portista nas bancadas.

Força FC Porto!

Cumprimentos

Ana Andrade

www.portistaacemporcento.blogspot.com
www.artigosonlineanaandrade.blogspot.com

Gaspar Ribeiro Lança disse...

Parecia o fim do mundo, e eu próprio não andava muito satisfeito. Dois empates e uma derrota como três últimos resultados não é algo a que estejamos muito habituados no Futebol Clube do Porto.

Com a pausa para os jogos das selecções pela frente era ainda mais importante garantir os três pontos, para não perdermos a liderança [ainda que por um golo...]. Não se esperava um jogo fácil, até porque a Académica atravessa uma boa fase - estava em causa o segundo lugar para a equipa dos estudantes -, e não o foi, de facto, mas ultrapassámos as dificuldades que nos foram postas.

Um abraço

TertúliaPortista disse...

Oi amigo, vamos continuar a apoiar a nossa equipa sim.
Saudações Portistas
Muito sucesso!

Melhores cumprimentos



http://tertuliaportista.blogspot.com/